Portugal – O Guia de Viagem

Antes de começar a contar os pormenores das minhas viagens e a partilhar alguns segredos das minhas aventuras, acredito que devo começar o blog com uma visão geral sobre o país onde nasci: Portugal. Este país é uma terra pequena mas há muito para ver e diversas maravilhas por descobrir que muitos nunca ouviram falar. Portugal é conhecido pelas suas praias deslumbrantes, pelos locais históricos e ainda pelos seus deliciosos pratos de marisco.

Dicas Essenciais para Viajar em Portugal:

  • No verão aconselho a evitar os meses mais movimentados e mais caros de julho e agosto. Geralmente, maio, junho e setembro, são também meses quentes. No inverno recomendo a viajar em janeiro ou fevereiro, assim que termine a loucura das férias natalícias, a não ser que venham especialmente para essas festividades em dezembro. Devo lembrar que o risco de chuva e aguaceiros aumenta em outubro e diminui por volta de abril, acabando por se tornar constante a existência de um frio forte à noite.
  • Regra geral é possível apanhar um sol agradável praticamente todo o ano. Para teres acesso a mais informação sobre o tempo consulta o IPMA, o site de meteorologia em Portugal.
  • Se fores amante de praia então de certeza que irás gostar da próxima dica. A Beachcam é um site português que inclui uma transmissão ao vivo das mais famosas praias, de norte a sul do país. Lá podes também encontrar informações úteis sobre a prática de vários desportos aquáticos, como surf, kitesurf e bodyboard. Consulta aqui em BeachCam para veres como funciona o site. Eu uso-o bastante no Verão.
  • Para os apaixonados por neve há também aqui um lugar garantido. Existe uma grande serra no distrito da Guarda chamada Serra da Estrela. Tem cerca 1990m e pode-se esquiar e fazer snowboard.
  • Falando agora na nossa moeda: já ouviste falar que Portugal é um país barato para viver e viajar. Através da minha experiência eu também concordo que é certamente muito mais barato o custo de vida em Portugal do que em Espanha, França ou Reino Unido. Essa é provavelmente a principal das razões pelas quais vêm cá muitos turistas no verão. Certifica-te de que trazes dinheiro em Euros, a nossa moeda nacional. Mesmo assim se vieres sem dinheiro português, existem ATM em todos os aeroportos e na maioria das cidades para que seja possível trocar qualquer moeda por Euros e também fazer levantamentos.
  • No que toca à nossa língua, não haverá qualquer problema se falarem inglês ou espanhol, a não ser que o destino seja uma aldeia bem longe das grandes cidades. No entanto, se possível, seria simpático saber algumas expressões como “bom dia, boa tarde, por favor e obrigado”.

De norte a sul, apresento aqui as principais áreas turísticas. Portugal tem lugares muito mais interessantes para conhecer e desfrutar. Em baixo encontrarás um pouco sobre Porto, Lisboa, Alentejo, Algarve e os Arquipélagos.

Porto

Uma das zonas mais visitadas pelos turistas. A cidade do vinho do Porto. Porto Ribeira Não podes terminar a tua visita à cidade sem antes ir a uma das caves de vinho do Porto que existe em Gaia. A cidade é conhecida pela sua enorme paisagem à beira-rio e pelos seus edifícios históricos que lembram as suas raízes portuguesas. Todas as pequenas ruas da parte antiga da cidade vão dar à Praça da Ribeira tornando-se esse o ponto de encontro onde se pode beber uma cerveja fresca e comer a famosa francesinha com molho picante. Se não conheces ou nunca estiveste na cidade do Porto talvez não saibas que há seis pontes que atravessam o rio Douro e ligam Porto a Gaia. Mesmo que conheças, na próxima oportunidade experimenta entrar num barco cruzeiro atracado à beira rio.

Lisboa

A capital é uma cidade repleta de lojas, restaurantes e monumentos históricos. Lisboa Praça O Fado está em todos os cantos da cidade. Fado é sinónimo de cultura portuguesa. Ao longo dos anos os turistas têm escolhido Lisboa como um dos melhores destinos de viagem do mundo.  Se fizeres a viagem até lá de carro passa pela Ponte Vasco da Gama e surpreende-te com os seus 17 km sobre o rio Tejo. É obrigatório fazer uma paragem para visitar o bairro mais antigo da cidade. Alfama está repleta de ruas estreitas em paralelo e de casas antigas. Todos os anos as festas do Santo António, celebradas em junho, são uma grande tradição digna de se ver. E não podes ir embora da cidade Lisboeta de estômago vazio. Compra Pastéis de Belém feitos de uma antiga receita dos conventos.

Alentejo

A região é conhecida pelas casas brancas com alguns detalhes amarelos e azuis. Évora Pelo caminho, indo de carro, irás começar a vê-las ao redor. Durante a viagem vais também passar por grandes quintas e terrenos cheios de vacas, ovelhas, cabras e cavalos. À medida que segues viagem pela estrada irás ver centenas deles a desfrutarem da relva. É uma região tranquila onde o tempo passa mais devagar, com quase nenhum tráfego, exceto os locais. Um local onde alimentos biológicos e produtos artesanais estão muito presentes. Além disso, existem ótimas praias selvagens para nadar e rotas pedestres para explorar na Costa Vicentina. Apenas aconselho a uma boa organização  e gestão de tempo para ser possível ver e fazer tudo.

Algarve

Já deves ter ouvido falar desta grande região do sul. Algarve Vilamoura Não podes mesmo perdê-la de vista. O facto de o Algarve ser enorme, torna-se muito difícil para mim escolher os melhores lugares em que já estive. Conhecido pelas águas mornas e clima constante, é a seleção número um do povo português para passar férias em família. Recebe imensos turistas de todo o mundo nos dias quentes de verão. Tem belas praias com vistas deslumbrantes sobre o oceano. O mar tem ondas regulares e a temperatura da água está normalmente à volta de 22° c. Numa visita guiada de barco podes visitar as grutas rochosas e descobrir os seus tesouros escondidos. Mergulha no fundo do mar e vive uma experiência única.

Arquipélagos

Portugal tem dois arquipélagos: Açores e Madeira.

Açores: tem nove ilhas à volta umas das outras, sendo São Miguel a mais visitada por milhares de pessoas. É conhecido pelas águas termais, paisagens naturais, lagoas e vulcões.

Madeira: tem oito ilhas, mas apenas duas estão habitadas (Madeira e Porto Santo), sendo as outras sete consideradas selvagens. É conhecido pela fascinante Floresta Laurissilva, reconhecida pela Unesco.

 

Vem visitar Portugal e segue também as minhas próximas sugestões.

Seguir:
Cristina

Apaixonada por viagens.
Deliciada pela Gastronomia.
Fotografa Paisagens e Comida.

Find me on: Facebook

8 Comments

  1. Janeiro 29, 2018 / 6:47 pm

    Portugal é uma lindeza só, sempre quentinho e com céu azul (ao contrário da alemanha aheuaheu) quero visitar na meia estação, pois sei que durante o verão é muuuuito quente e não sei se sobrevivooo.

  2. Janeiro 23, 2018 / 6:25 pm

    Ainda não conheço Portugal, mas por essas fotos já me apaixonei. Principalmente pelas prais na Costa Vicentina. Adorei o post! Obrigada por compartilhar esses clicks sensacionais! Bjokas

    • Cristina
      Autor
      Janeiro 24, 2018 / 9:28 am

      Oi, muito obrigada pela visita!

  3. Janeiro 22, 2018 / 5:36 pm

    Portugal é um país muito lindo e, às vezes, nós brasileiros subestimamos a beleza do país. Eu conheço Lisboa, Sintra, Cascais e Fátima. Estou doida pra visitar a região do Algarve!

    • Cristina
      Autor
      Janeiro 22, 2018 / 6:07 pm

      Oi! Muito obrigada pelas tuas lindas palavras!
      Se precisares de ajuda para visitares o Algarve, diz 😉

  4. Janeiro 22, 2018 / 11:54 am

    Ai que delícia de post! Lisboa e Algarve são dois sonhos. Lisboa parece que parou no tempo, né? Que fofa. E Algarve tem o que mais amo: paisagem natural. Brigada por compartilhar com a gente. Beijos!

    • Cristina
      Autor
      Janeiro 22, 2018 / 6:05 pm

      Muito obrigada pelo feedback positivo!
      Se quiseres fazer uma visita e precisares de dicas, já sabes 😉

Deixa aqui a tua mensagem

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.